Diário de Viagem #01 | Aguenta coração

Faltam poucos dias para eu abraçar os meus amores no Rio de Janeiro e o coração está a mil por hora, não só pela expectativa de quem irei abraçar e  rever, mas também por quem eu vou deixar. Pois é, eu vou viajar e o meu amor vai ficar, ou seja, desta vez embarca só metade mim, pois será a primeira vez depois de casados que ficaremos longe um outro.

Temos expectativa de que a saudade nos reservará bons momentos e que pode ser legal ter essa experiência e além disso, preciso dizer que meu maridinho foi muito generoso e sensível ao perceber o quanto rever minha família é importante para mim, pois estou longe da minha cidade, família e amigos já faz um bom tempo. E no casamento, não deu tempo de “matar a saudade” de quem veio, foi tudo muito rápido.

Eu estou contando os dias para ir, mas confesso que com coração apertado por deixá-lo só. Sou muito grata pelo coração generoso do meu marido e pelo presente que já está sendo a viagem até minha família.
A mala está pronta na “listinha” e agora vou começar a organizar de fato, estou pensando em registrar tudo para compartilhar com você, o que acha?
Me conta aqui nos cometários, tá bom?
Ah, e este é apenas o primeiro post do – Diário de Viagem – a minha intenção é levar você comigo nessa aventura de rever quem amo.
Anima?
Estou pensando em gravar alguns vídeos por lá, será que rola?
Deixa aqui sua sugestão de tema, tag, enfim… sua sugestão é mega importante.
Um beeeijo!
Cíntia Silveira

DIY – Bandeja de Perfumes

O apoio do porta retrato quebrou? Não jogue-o fora, use-o como uma linda bandeja para decorar e organizar seus perfumes.

Achei essa foto aqui nos meus arquivos e quis compartilhar com vocês. Essa ideia surgiu quando um dia (faz tempo, foi em 2015 em Belo Horizonte quando eu estava arrumando o quarto da minha cunhadinha) estávamos dando uma repaginada no quarto dela e encontramos este porta retrato e decidimos usá-lo de uma maneira diferente.

Além do porta retrato usamos o papel de presente para  fundo, você pode escolher um tecido, uma imagem ou deixar a sua foto preferida mesmo.

kl

É muito simples e o resultado é lindo. Você vai decorar e organizar de uma maneira muito estilosa.

Nós amamos a nossa arte e eu estou amando reviver esses momentos cheios de saudade da amada cidade de Belo Horizonte. Nas redes sociais tenho compartilhado mais momentos como este, te espero lá.

ll

Para assistir o vídeo que gravamos ao fazer a nossa arte, é só clicar aqui.

Espero que gostem da dica, um beijo!

Oficial

Meu quarto de solteira

Oi gente, tudo bem?

Eu estava aqui vendo uma foto e outra e achei algumas fotos do meu antigo quarto em Belo Horizonte, quarto de solteira. Na verdade o meu segundo quarto nessa cidade que eu amo tanto e morro de saudades.

Neste quarto muita coisa foi gerada em oração, muitos sonhos, planos. Ali eu orei, chorei, dancei, cantei e vivi muitos momentos com Deus. Confesso que no meu primeiro quartinho as experiências foram muito marcantes, mas cada fase é uma fase e em tudo a gente aprende e coleciona histórias para contar.

Agora, vamos conhecer o falado quarto?

ppp.jpg

Esse era o meu cantinho “produtivo”, onde eu estudava, escrevia, editava, e produzia tudo do blog (donodomeusorriso.com), quanta saudade, quanto cuidado de Deus e quantas palavras vindas diretamente do céu para meu coração e eu dividia com todos que me acompanhavam(acompanham) nas redes sociais.

1.jpg

No meu “Varal do amor” eu tinha cartinhas de amigas especiais, leitores, fotos da família e tudo que amo de alguma forma ficava ali representado, sempre pertinho de mim para inspirar.

kk

Essa era a visão que eu tinha logo ao entrar no quarto. A mesa com estante fazia um “divisão” bem charmosinha entre o cantinho do descanso, a minha cama, e o cantinho de produção.

bhu.jpg

Eu não tinha cabeceira de cama (aliás que cama maravilhosa era essa, eu amava e foi presente da amiga Ingrid, o guarda roupa, também). Então eu fiz uma decoração com esses quadrinhos, os círculos são placas de isopor com tecido.

Acima mais alguns detalhes do meu amado quartinho. Objetos especiais e que tem significados especiais para mim.

12622015_1691337071084499_3186876298790468011_o

Eu não encontrei nenhuma foto que mostrasse de forma completa o meu guarda roupa e a arara de roupas e sapateira. Se eu encontrar depois alguma foto dessa outra parte do quarto eu mostro na nossa página do facebook depois para vocês.

12239212_1676116062606600_152802934249557230_o.jpg

Esses quadrinhos foram todos feitos por mim, escolhi as imagens, editei algumas, imprimi e coloquei nesses portas retratos, porém usando como quadrinhos na parede.

opp.jpg

Voltando a falar dos quadrinhos, eu escolhi alguns tecidos em tons neutros (amo) e fiz uma composição, usando porta retratos e placas de isopor que encapei com alguns dos tecidos. Fica uma dica de decoração barata para você deixar uma parede do seu quarto ou sala bem linda!

mm

Na cortina um pisca pisca que eu decorei com toalhinhas de renda de papel, gostou? Então, clica aqui e veja como eu fiz.

B2

E por último essa fotinho da arara de roupas com os cabides feitos por mim e que hoje fazem um sucesso no @Apartamento56. Como vocês podem observar, cinza, azul, branco, jeans, listras, me acompanham há muito tempo.

É isso, espero que tenham gostado de viver essa “nostalgia” comigo de ver e reviver o quartinho  do tempo de solteira. Se eu encontrar mais fotos eu mostro nas redes sociais, então fica comigo lá, te espero.

Um beijooo!

Oficial

 

O quarto azul e o coração contente

No dia em que eu tirei essa foto eu estava muito contente, muito mesmo. A minha amiga Bela estava comigo nessa aventura e pode confirmar isso.

Eu morava em um quarto que provavelmente tem o tamanho do seu banheiro, isso se o seu banheiro não for grande. De verdade, era muito pequeno esse quarto. Nele eu tinha uma cama de solteiro que vivia caindo comigo e com tudo no chão, ela simplesmente se desmontava do nada. Neste quarto tinha também uma mesinha e por mais um pouco não dava para por uma cadeira para sentar nela no espaço que ficava entre ela e o “pés” da cama. E tinha um guarda roupa de alvenaria, com duas portas de correr de madeira antiga e bem pesadas que também vivia caindo, e pior que algumas vezes caíram em cima do meu pé. “Peeensanumador”!

E qual a razão de falar sobre isso? A razão é a gratidão que transborda aqui em meu coração ao ver todo caminho percorrido e perceber quem em tudo Deus nos ensina, e que em tudo Ele cuida de nós e em todo tempo supre todas as nossas necessidades.

Eu fui muito feliz ali, e durante todo o tempo eu vi a mão de Deus sobre a minha vida. Eu tenho centenas de milagres para contar que vivi neste tempo. Eu cresci, amadureci, aprendi. Tiveram momentos bem difíceis também nesta “estrada”, mas em todos Deus estava lá, comigo.

Neste dia eu pintei o “quartinho” (chamado de meu lugar secreto e às vezes nárnia), pintei todinho de azul.

Azul é uma das cores que amo e que me acalma muito. Eu gosto de cores clarinhas, suaves, pastéis e neste dia o azul foi a cor escolhida. E eu o deixei bem “azulzinho”, e pintei as prateleiras e a mesa de branco. Ficou fofo!

Depois decorei coloquei as fotos que sempre são bem presentes na minha vida (eu amo fotografia) e outros mimos.

E foi uma imensa alegria depois desfrutar dele limpinho e cheiroso. O “novo quartinho” para me acomodar neste tempo tão precioso e inesquecível da minha vida.

Tempo em que dividi a pasta de dente e o pão. Tempo em que aprendi a conviver e amadurecer com os diferentes temperamentos e rotinas. Tempo em que vi pessoas sendo curadas no seu interior e melhoradas a cada dia. Crescendo tornando-se cada vez mais feitas à imagem e semelhança do Criador. Pessoas que assim que como eu deixaram o lar, a família, a zona de conforto, para um desafio e um propósito maior que elas mesmas.

Certamente eu faria tudo outra vez, viveria tudo outra vez. Hoje eu coleciono memórias e guardo muita saudade.

Deste tempo eu levo comigo no coração pessoas incríveis que foram acrescentadas em minha vida. Amizades extraordinárias e lembranças que fazem as lágrimas rolarem de tanta gratidão.

Fui muito feliz neste quartinho, neste tempo e com tudo que aprendi e agreguei de lá até aqui.

É isso…
Queria compartilhar.

E aproveito para dizer que a melhor coisa da vida é a gente viver em gratidão pelo que temos hoje (todo esse relato era o meu “hoje” daquele tempo) e viver cada dia com gratidão e contente com que temos é muito saudável e faz da nossa vida muito mais leve.

Seja feliz e grato pelo o que você tem e jamais despreze um pequeno começo.

A vida pode ser muito mais bonita só depende de como você a leva.

Oficial

Memórias

Existem fases que marcam completamente a nossa vida. Esta foto me traz a memória um tempo tão importante e especial em minha vida que é impossível olhar para ela e não se emocionar. Este era o meu quarto, o meu lugar secreto. Nas paredes e por todo lado eu tinha fotos dos meus amados amigos e familiares ou pelo menos algo que me lembrasse cada um deles. Ali estavam também meus motivos de oração e a visão que Deus havia plantado em meu coração. Tudo neste pequenino quarto era especial e a presença de Deus manifesta ali em nossos momentos, tantos momentos juntos, tudo é simplesmente inesquecível para mim. Muito do que tenho vivido hoje e sei que muito do que ainda está por vir, foi gerado neste quartinho em oração. Este tempo marca também uma passagem importante em minha vida, eu entrei nele menina bem menina e sai com uma maturidade e uma mente de mulher. Eu cresci ali de dentro para fora e fui tratada e curada por Deus no mais íntimo do meu ser.

Obrigada Aba, por deixar as tuas marcas impressas em mim. Eu te amo!

cs-blog-logo