Decor: Quarto do Casal

O nosso quarto finalmente está do jeitinho que amamos em cada detalhe, por isso quis compartilhar com vocês.

Quem sabe você não termina de ler este post super inspirado a de um “up” na decor do lado daí?


Não temos cabeceira na cama, então uma alternativa baratinha (que amamos) foi a prateleira que decora e da todo um charme ao nosso “ninho”.

E o mais legal é se qualquer hora enjoarmos da disposição dos objetos ou quisermos mudar tudo por ali, teremos uma decor novinha é diferente novamente.


Sempre optamos por tons claros (amamos), o quarto é pequeno e ele “clean” nos traz a sensação de maior espaço, além da paz que essas cores nos proporcionam.

A nossa mesinha suspensa eu te ensino a fazer a aqui no blog. É só clicar aqui.


Ela fica do meu lado da cama, deixo sempre o livro que estou lendo e esse heróis da fé que não sai daí. Amo reler e me inspirar com os esses grandes homens de Deus.


No outro lado (lado do marido) o criado mudo com nosso abajur (presente dos amigos lindo, Fabrício e Jeh). O porta retrato (primeiro presente para nossa casa, a princesa Manu, quem deu) e o vasinho de flores, vela, e passarinhos que eu trouxe do Rio de Janeiro.


No chão essa delícia fofinha de tapete que amamos!


Outros ângulos:


No guarda roupa que fica neste quarto ficam as roupas do marido, e as roupas de camas (são poucas).

Um espelho do nosso tamanho é só.

E aí? Gostou? Alguma sugestão? Deixa aqui nos comentários que eu vou amar saber. ❤️

 

 

Cíntia Silveira

Será real…

O meu casamento.

Hoje eu sonhei com meu casamento, mas sonhei acordada mesmo. Fiquei por um bom tempo imaginando o meu vestido, o buquê, os convidados, a cerimônia, a decoração e mais que tudo o meu noivo.

Imaginei e sorri, na verdade quase que senti a gratidão em nosso coração por este lindo dia que mudará e unirá as nossas vidas.

Sobre o noivo, eu ainda não o conheço, bem, pelo menos não como meu noivo, é bom ressaltar assim, né gente? Vai que ele está perto e não sabemos ainda. Mas enfim, o que eu tenho certeza é que ele será um homem que ama a Deus acima de todas as coisas, um homem que ama a verdade da Palavra de Deus e que é cheio do Espírito Santo. Esses são os principais motivos de oração levados ao Senhor quando eu falo dele, é claro que eu oro por outros atributos também, mas os demais, são apenas detalhes.

Sonhei também com o nosso lar, nosso dia a dia, imaginei tantas coisas… O nosso tempo de oração, o café da manhã, o cuidado com nossa casa, nosso tempo juntos, nosso ministério, a comunhão com nossos familiares e amigos, nossos risos, mas também nossos desafios e crescimento juntos.

Sonhei também com a esposa que quero ser, oro por sabedoria, pois a palavra diz que a mulher sábia edifica a sua casa. [Leia Provérbios 14: 1. ] A palavra também diz que o temor do Senhor é o princípio da sabedoria. [Leia  Salmos 111: 10. ] E diz também que com os humildes está a sabedoria. [ Leia Provérbios 11: 2. ] Eu preciso e quero aprender de Deus a ser essa mulher que irá auxiliar e honrar ao meu marido. Sonhei com os nossos filhos, com nossa gestação e tão linda espera de mais uma promessa em nossas vidas. A palavra diz que os filhos são herança do Senhor. [ Leia Salmos 127: 3. ]

Sonhei, sonhei e sonhei…

E a cada detalhe um sorriso, e a cada sorriso uma esperança com a certeza de uma realidade que eu irei viver. No final de tudo eu só quis agradecer ao Dono do meu sorriso por me permitir imaginar e sorrir com cada pedacinho dessa história, pois outrora, eu já nem sonhava mais, tudo estava como em poços soterrados de medo, frustrações, dores, muitas lágrimas. O meu casamento, a minha família estava apagada de minha memória há um tempo, mas hoje eles nasceram de novo, eles estão vivos, já são uma realidade para mim e em mim.

Os roteiros passados, as referências negativas, as histórias frustradas, nada disso me assusta ou preocupa mais. Eu nasci de novo, e palavra diz que tudo se fez novo, as coisas velhas se passaram. [ Leia 2 Coríntios 5: 17. ] Deus tem sonhos e planos para mim e eu viverei cada um deles com alegria e com a doce companhia do Dono do meu sorriso.

Meu lindo e amado namorado, noivo e marido, eu espero por você sem pressa. Pois eu sei que se o meu coração estiver voltado para servir a Deus e alguém se apaixonar por aquele que está dentro de mim, ele continuará amando-me para sempre, pois Deus habitará em mim eternamente.

Por isso, descanso e espero o tempo da nossa celebração onde eu estarei pronta para ser encontrada por você no coração do Pai, pois é lá que um homem segundo o coração de Deus encontra a sua amada.

Em 2013, eu escrevi este texto e hoje em 2017, casada com um homem cujo coração está em Deus, vivendo em nosso lar. Eu releio e me emociono com a fidelidade de Deus. Como vale a pena crer, esperar, confiar. Eu quero te encorajar a sonhar, e principalmente a compartilhar com Deus os seus sonhos. Ele pode, Ele faz. Ele é o maior interessado em te fazer muito feliz! 

Não pare de sonhar!

Não pare de crer!

Assista os votos do nosso casamento, clicando aqui. 

Cíntia Silveira

Ninho, casa, casinha, cantinho…

Ninho, casa, casinha, cantinho, cafofo, meu mundinho, não importa que nome se dá, o que importa é estar feliz sempre que chegar a hora de voltar… ❤

Ter para onde voltar é um presente do céu.
Você já parou para pensar que existem milhares e milhares de pessoas no mundo que simplesmente não tem para onde voltar?

E outras milhares que não vê prazer em voltar, pois simplesmente ao abrirem as portas se deparam com um caos do lado de dentro?

E não é apenas um caos no sentido físico ou material, mas um caos no sentido “inteiro”, dentro e fora do espaço e dentro de si e de todos também.

Falta paz, falta respeito, falta zelo, falta amor.

Eu não sei como anda a sua realidade, não sei o que você encontra ao retornar e nem como você se encontra. Mas o que sei eu digo: se você pode voltar, já é um grande dádiva.

Agora resta escolher o que encontrar, deixar, aperfeiçoar, mudar, limpar, cuidar e amar. Em todos os sentidos!

Comece a “faxina” por dentro.
Por dentro de você.Cíntia Silveira

Enfim, o sofá…

Depois quase 7 meses casadinhos, enfim o sofá chegou. É tão gostoso ver cada “cantinho” do apê tomando forma e ficando cada vez mais parecido com a gente.

Eu e o meu amor decidimos construir a vida juntos, e por isso não nos incomodamos em casar e “entrar” no apê com o “básico do básico”. E quer saber? Foi a melhor decisão, pois tem sido tão gostoso poder colecionar histórias.

Cada objeto que entra no apê desde o mais simples até o mais relevante, em tudo nós curtimos, nos alegramos e agradecemos a Deus. Cada conquista, cada quadro pregado, cada plantinha que chega torna o nosso lar mais aconchegante.

Lembro quando a nossa mesa chegou, estávamos completando 2 meses de casados e foi uma festa, e agora com o sofá, não foi diferente.

Ele é exatamente como sonhamos, a cor exata, o tamanho ideal para nossa sala, super confortável e lindo, simplesmente não dá vontade de sair dele.

Eu estou apaixonada, me sinto abraçada pelo nosso lar.

IMG_5837

Para decorar escolhi essas duas fofuras de almofadas, amei a combinação de cores que ornou perfeitamente com ambiente geral sala/copa/cozinha que são integrados aqui no apê.

IMG_5840

A sala como podem observar, não está pronta. Ainda faltam muitos detalhes, trocar a cortina, colocar um tapete, rack, TV, objetos de decoração, mas já amamos e curtimos muito do jeitinho que está, e o legal de construir aos poucos é que a cada detalhe o apê se renova e a gente curte cada vez mais estar nele.

Sala 2

E agora me conta, qual o “cantinho” da sua casa que você mais ama? Eu estou na fase da sala agora, com mil ideias de como decorar e organizar mais esse pedacinho do nosso lar.

Lindo

Para conhecer melhor o nosso apê e passar mais tempo com gente, nos siga nas redes sociais no facebook e no instagram @apartamento56 e também @cintiasilveirablog eu espero com alegria vocês por lá, combinado?

Um beeeijo.Cíntia Silveira

A cozinha do apê

Eu sempre sonhei em ter a minha casa e quando pensava nela eu sempre idealizava muito a cozinha. Uma cozinha onde eu não tivesse vergonha ou constrangimento em mexer. Onde eu tivesse a liberdade de fazer uma receitinha e ir buscar algo para comer sem receio. Não que eu tivesse motivo para ser assim, pois as casas por onde eu passei em todas elas, sempre me deram total liberdade, fui realmente sempre recebida com muito amor. Mas a “bichinho do mato aqui” sempre se sentiu um “pesinho” na vida dos outros e isso deu margem para todos os sentimentos listados.

Mas a realização do sonho chegou…

Hoje eu tenho a nossa “mini cozinha” que é ideal para nós dois (eu e o marido) e claro, sempre cabe mais um, tipo coração de mãe.

IMG_4641.JPG

Quando chegamos da lua de mel encontramos nossa queridinha assim, havia o básico do básico. Nossas panelas lindas, presente da prima Romênnya, ficavam na caixa embaixo da pia e em uma segunda caixa ficavam dois pratos emprestados e alguns utensílios que ganhamos no chá de panela e outros que eu mesma havia comprado.

Quando chegamos com a nossa primeira compra de mercado, não havia lugar para guardar e tudo ficou em caixas na sala. Pensa em um trabalhão para todos os dias levantar tudo para varrer e passar pano?

Mas se você pensa que isso nos entristecia, que nada! Tudo isso foi vivido com muita gratidão. Estar ali vivendo o nosso sonho, construindo o nosso lar, só nos fortaleceu e nos acrescentou muitas histórias para recordar e contar.

Com um mês e meio exato de casados que o nosso armário começou a ser instalado. Pensa em duas pessoinhas alegres dentro desse apê?

O Sr. Glaucio foi quem planejou os nossos móveis da cozinha e do home office, os seus funcionários são excelentes e como dizem aqui em Fortaleza: “eles se garantem”.

Os acabamentos são impecáveis e eles deixam tudo limpinho no término. O material é de excelente qualidade. Mas houve uma pequena falha de comunicação e por isso precisamos trocar as portas, pois elas foram entregues com puxadores diferentes do que queríamos, mas foi só um detalhe e bem fácil de resolver e que foi resolvido com sucesso.

No primeiro dia, o armário ficou assim:

IMG_4729.JPG

Quase nos convencemos de ficar com esses puxadores mesmo, pois eles são bonitos e ver o armário prontinho e perfeitinho mexeu com a gente.

IMG_4727.JPG

Uma graça, né?

Mas o marido pensou, repensou e disse: “Vida, ele está disposto a refazer, então vá e escolha os puxares que deseja, pois depois se você se arrepender vai ficar mais difícil de mudar”.

E eu, obedeci. Fui feliz da vida para a Leroy em busca dos puxadores com carinha de “casa de vó”.

E encontrei esses:

img_4936

Inclusive conto aqui no blog uma surpresa incrível que tive quando as portas novas foram instaladas e eu fui decorar a cozinha com algumas coisinhas que eu já tinha e que estavam guardadas há muito tempo. Se quiser ler é só clicar aqui.

E agora a nossa cozinha está assim por enquanto, e digo por enquanto, pois estamos aos poucos colocando cada coisas em seu lugar e decorando do jeitinho que sonhamos. Cada passo de uma vez e sem pressa, para curtir cada momento e compartilhar com vocês depois.

img_4940

A plantinha ganhou uma “casinha” nova. A fruteira já está com frutas novamente, mas no dia da foto estava com os meus chás, será que gosto de chá, gente?

A geladeira ganhou alguns ímãs que eu mesma fiz. Ah! E o macramê da plantinha também fui eu que fiz, você gostou? Se você quiser que eu mostre aqui no blog como eu fiz os ímãs e o macramê, me conta aqui nos comentários que eu terei a maior satisfação de te atender.

No nicho por enquanto esses potes e a louça super especial. Estamos amadurecendo a ideia de colocar um adesivo no azulejo, o que acham?

Espero que tenham gostado de saber a história da nossa “mini cozinha”. Eu amo compartilhar cada detalhe com vocês, assim como faço com os amigos de perto.

Até mais, um grande beeeijo.Oficial